Gramado – 2 dias são suficientes?

Aproveitamos um feriado prolongado para passear pela Serra Gaúcha. Inicialmente só iríamos para o Vale dos Vinhedos em  Bento Gonçalves, mas a saudade de Gramado nos fez mudar os planos e passar o fim de semana por lá.

Para quem já foi a Gramado muitas vezes, dois dias foi suficiente para conhecer as novas atrações (impressionante como a cada ano que voltamos a essa cidade sempre há algo novo para se ver).

Vamos compartilhar com vocês o que fizemos em dois dias: atrações, restaurantes e hospedagem.

Chegada a Gramado

Como estávamos em Bento Gonçalves seguimos pela rodovia BR116 que passa na entrada de Garibaldi  e Carlos Barbosa (já conhecíamos essas cidades, por isso passamos direto (para quem não conhece, vale a pena um pit stop). Garibaldi é a terra dos Espumantes e para quem quer fazer umas comprinhas ,Carlos Barbosa tem a maior loja da Tramontina que já conhecemos.

Mapa de Bento Gonçalves, RS, 95700-000 para Gramado, RS

Nossa 1a parada, antes de Gramado, foi no Templo Budista Chagdud Gonpa Khadro Ling em Três Coroas. Queríamos muito conhecer, mas, apesar de constar no tripadvisor.com.br que estava aberto, não estava. Dica: antes de ir, verifique no site do templo, pois o local é bem longe da cidade.

Seguimos para Gramado e fomos direto ao Le Jardin Parque de Lavanda. O acesso a esse parque é pago: R$ 15,00 por pessoa e possui estacionamento logo na entrada.

Amo jardim e passear por esse local tão bonito foi muito relaxante.

No local, além dos jardins, você encontrará uma loja que vende essências e alguns souvenirs. Impossível sair de lá sem comprar pelo menos uma essência de lavanda.

Vá sem pressa e sente-se no restaurante que tem no final do parque. Procure uma mesa próxima a janela, ou, melhor ainda, se conseguir uma mesa na varanda. Relaxe e aprecie o local, se estiver fazendo calor, uma taça de espumante cai muito bem (se estiver muito frio, pode optar por um chocolate quente).

 

Hospedagem

Antes de continuarmos o nosso tour fomos até ao nosso hotel para fazer check-in. Foi a nossa 1a vez no Hotel Refúgio da Montanha. Localizado próximo ao Lago Negro e alguns dos melhores restaurantes da cidade. O diferencial desse hotel foi o café da manhã, especificamente os bolos que são de comer rezando. Tarifa para casal: R$ 446,00 por noite.

A cidade recebe muito bem os turistas. Existe uma infinidade de Hoteis, Pousadas e casas para alugar.

Foto 1Foto 2

Como já estivemos na cidade por outras vezes, em diferentes hospedagens, recomendamos também os Hóteis:

Hotel Alpestre – Numa área verde enorme, com quartos amplos e bem cuidados, café da manhã espetacular e equipe de recreação muito atenciosa. Excelente escolha para que vai com crianças. Fomos algumas vezes com nossa filha quando era pequena e ela preferia ficar no hotel ao invés de sair para passear conosco.

Diária Casal no mês de abril: R$ 498,00

Hotel Alpestre - Gramado/RS

Hotel Villa Bella Hotel Conceito – o diferencial desse hotel é a vista para o Valle do Quilombo. Localização privilegiada com um pôr do sol que pode ser visto de dentro da piscina aquecida ou do ofurô que fica na parte externa.

Diária Casal em abril de 2021 : R$ 550,00

Hotel em Gramado | Villa Bella Hotel | BrasilVilla Bella Hotel Conceito Brazil at HRS with free services

Hora do almoço e queríamos experimentar algo novo, então fomos conhecer o Parque Olivas de Gramado

O acesso a esse local é pago e para ser muito sincera achei caro, para quem só foi ao local para almoçar.  R$ 49,00 por pessoa. Se você quiser ir passar o dia por lá, fazer as trilhas, degustar os azeites  ou brincar na fazendinha (caso esteja com criança), vale a pena, mas se for só para almoçar não recomendo.

O que mais gostamos foi da vista, que é belíssima, principalmente no pôr do sol.

Uma refeição para duas pessoas com vinho pagamos R$ 246,00

 

SkyGlass em Canela – Mesmo estando tarde, pois demoramos no almoço mais que o esperado, partimos para conhecer essa que é uma das mais novas atrações da região.

Se, assim como eu, você não tem medo de altura e gosta de esporte radical, esse atrativo é para você.

O acesso ao parque, independente de você ir ou não andar nos brinquedos é de R$ 40,00 por pessoa. Eu comprei o combo que dá direito a passarela de vidro + abusado (que é uma cadeira suspensa), paguei R$ 135,00. As regras de acesso são bem explicadas, antes de você comprar os ingressos, pois o risco de se aventurar é todo seu.

Não é permitido levar celular ou câmera, se quiser ter o registro de sua aventura pagará por cada foto digital R$ 25,00.

Fui literalmente sozinha, pois além de não ser a vibe do meu marido, nenhuma outra pessoa no parque se aventurou a andar no “abusado”. O passeio dura 3 minutos e acreditem não é tão radical como eu esperava, mas a vista é linda.

Na praça de alimentação do parque há vários restaurantes e ficamos no local até fechar.

O dia foi intenso e faltou disposição para sair à noite para jantar.

2o dia em Gramado

Após delicioso café da manhã fomos caminhar no Lago Negro (para mim ir a Gramado e não ir ao Lago Negro é como ir a Roma e não ver o Papa rsrs)

Estava uma linda manhã de sol com temperatura amena. Após caminhar pelo Lago Negro, fomos num local que fica bem em frente, um conglomerado com várias lojinhas, choperia e um Castelo da Rapunzel. Visitamos o Castelo e na saída fizemos uma foto de época (nunca tínhamos feito antes).

Como a proposta era beliscar algo, pois às 15:30h já tínhamos agendado visita a uma vinícola, partimos para Borges de Medeiros (a rua mais movimentada da cidade) em busca de um local para petiscar.

A cidade estava toda ornamentada com tema da Páscoa e como eu não perco um oportunidade para um click, lá estava eu junto a um casal de coelhos.

Bater pernas pelo centrinho de Gramado, mesmo que não seja para comprar nada é uma distração. Caminhamos sem pressa até a famosa Rua Coberta e mesmo não tendo nenhum evento na cidade, a rua estava lotada. Claro que rolou uma paradinha na Chocolate Caracol para degustar e comprar pelo menos 2 caixinhas para a galerinha de casa. Não consigo ir a essa cidade e voltar sem chocolate.  São muitas as lojas/fábricas, mas a que mais gosto são os chocolates da Caracol.

Gostamos muito do Hard Rock Café Gramado e escolhemos esse local para beliscar alguma coisa antes de partir para a nossa próxima atração.

São muitas as opções de petisco, e servem bem a duas pessoas. Pedimos um combo que vem: cebola, frango apimentado, rolinho primavera, brusqueta e costelinha com molho barbecue (mais que um almoço, acreditem).

Nesses últimos 20 anos já fui a Gramado pelo menos umas 15 vezes e nunca tinha feito uma foto na Rua Torta , então no caminho para Vinícola paramos perto a Casa do Colono e fomos lá fazer o tão sonhado registro.

 

A Vinicola Ravanello fica há uns 30 minutos do centro de Gramado. Reservamos com antecedência, pois essa é única forma de fazer a visita guiada com degustação ao final.

Essa é a Primeira Vinícola Boutique de Gramado e a 1a no Brasil a receber o Selo de Produção Integrada, que atesta a adoção de boas práticas, tanto agrícolas quanto de fabricação. Todo o processo de fabricação e vinificação é explicado durante a visita, que dura em média 1h. Após a visita os convidados são levados a um espaço para degustação de 5 rótulos.

 

Antes de ir embora não deixe de parar e contemplar o belíssimo jardim na entrada da propriedade.

Pagamos R$ 125,00 por pessoa.

Restaurante L’ Table D’Or Mediterranée

Melhor jantar que já fizemos em Gramado. Não foi fácil conseguir uma reserva, pois em função da pandemia, só estavam atendendo a 30% da capacidade.

Ambiente super agradável, atendimento diferenciado e gastronomia auto padrão.

Ficamos numa área do restaurante bem privativa, além de nossa mesa havia apenas outras duas e com uma distância considerável.
Se estiver pela região não deixe de experimentar.

Outras atrações , na região – Gramado e Canela, que recomendamos, mas que não tivemos tempo de ir dessa vez:

Mini Mundo

Uma atração que agrada adultos e crianças. As replicas das cidades, especialmente as alemãs, aguça a curiosidade e a imaginação. Olhando com atenção pode-se encontrar personagens como Harry Portter, Beatles …. Com apenas 2 horas de visita você conseguirá ver tudo e ainda sobra tempo pra um chocolate quente na lanchonete que há na entrada.

Dica: compre os ingressos com antecedência, pois sempre tem filas.

 

Snowland
Acho os preços cobrados “salgados” para o que oferecem, mas se gosta de esquiar e nunca rolou essa oportunidade eis ai um lugar pra aprender (o valor para esquiar é pago a parte).

Quando fomos com as crianças nos divertimos muito no “esqui-bunda” e na pista de patinação.

 

Parque Estadual do Caracol em Canela

Nesse parque você tem opção de fazer trilha e contemplar algumas cachoeiras. Cachoeira do Moinho, da Barragem e do Caracol. Para mim a do Caracol é a mais bonita. Se sua vibe não é fazer trilha, poderá ver a Cachoeira  do Caracol, a partir do mirante, mas tem que pagar um ingresso a parte. Se você gosta de andar de bondinho aéreo (teleférico), há um que fica a aproximadamente 800 metros desse parque, e de lá você também poderá ter uma bela vista dessa Cachoeira do Caracol.

 

Alpen Park em Canela

Uma atração imperdível para quem está com crianças e adolescentes é o passeio de trenó. Quando fomos, pagamos pelo passeio no trenó R$ 99,00 por adulto. A dica é comprar antes pelo site, pois o valor sai mais em conta. Final de Semana fica insuportável, então se puder escolher vá durante a semana e logo no primeiro horário. Uma outra atração que gostamos muito foi o arvorismo que termina com uma tirolesa. Circuito é tranquilo, até mesmo para quem nunca fez.

Como falei no inicio , essa região tem sempre novas atrações, então o ideal é ficar pelo menos uns 5 dias.

Deixe seu comentário e nos ajude a aprimorar as informações que compartilhamos em cada nova viagem.

Até a próxima.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *